logotipo comemorativo dos 80 anos da Justiça do Trabalho
  • Selo 100% PJe
  • Selo Prata CNJ
  • Instagram
  • SoundCloud
  • Youtube
  • Facebook
  • Twitter
  • Flicker
Política de Cookies

O Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região (TRT7) utiliza cookies, armazenados apenas em caráter temporário, a fim de obter estatísticas para aprimorar a experiência do usuário. A navegação no portal implica concordância com esse procedimento, em linha com a Política de Privacidade e Proteção de Dados Pessoais do TRT7.

TRT/CE melhora índices de governança, de acordo com o TCU

 

O Tribunal de Contas da União (TCU) realiza, sistematicamente, levantamentos para conhecer a situação da governança no setor público e estimular as organizações a adotarem boas práticas de governança. Neste ano de 2021, o órgão apontou que a Justiça do Trabalho do Ceará melhorou seu desempenho em todos os índices apurados, alcançando 62% no índice integrado de governança e gestão públicas (iGG).

Foram analisadas 378 organizações públicas e as notas foram apresentadas em gráficos do tipo radar, variando de 0 (0%) a 1 (100%). No relatório individual, cinco temas de governança foram analisados: Governança Pública Organizacional, Gestão de Pessoas, Segurança e de Tecnologia da Informação, Contratações e Gestão Orçamentária. Em atendimento ao princípio da transparência, o TCU recomendou a divulgação das informações contidas no relatório individual da Justiça do Trabalho do Ceará, assim como dos outros órgãos.

O TRT/CE apresentou nível aprimorado no Índice de Governança Pública (iGovPub), Governança e Gestão de Pessoas (iGovPessoas) e Governança e Gestão de TI (IgovTI). Encontram-se na apreciação de nível intermediário, os Índices de Governança e Gestão Orçamentária e Contratações (iGovOrcament e iGovContrat). Já em relação ao Índice de Capacidade em Gestão Orçamentária (iGestOrcament), identificou-se que ainda está no nível inicial.

A secretária de gestão estratégica, Patrícia Cabral, destacou a evolução do TRT/CE em relação à última apuração dos dados pelo TCU. Em 2018, o Índice de Governança Pública (iGovPub) teve apreciação de 36%, e neste ano chegou a 77,2%, duplicando seu desempenho e alcançando o nível aprimorado. Comparativamente a 2018, todos os indicadores apresentaram resultados maiores.

O Índice de Governança e Gestão de Pessoas aferiu apreciação de 28% em 2018 e alcançou, em 2021, a marca de 70,1%, enquanto o iGovContrac dispunha de 26% e passou para 52,7%.O índice de governança e gestão de TI  atingiu o patamar aprimorado de 74,4%, em relação a 60% obtido em 2018.  

“O TRT/CE vem  assegurando a aderência aos princípios, às diretrizes e às práticas de Governança Institucional  desde a instituição da Política de Governança por meio da Resolução TRT7 158/2018”, observou Patrícia. A gestora frisou a participação dos Comitês de Governança Institucional, Tecnologia da Informação e Comunicação e de Contratações para o alcance do bom desempenho do órgão.

“A Administração tem priorizado o incremento da governança por meio do efetivo funcionamento das instâncias internas, de capacitações e da gestão da governança em rede, promovida pela Secretaria-Geral da Presidência”, finalizou a gestora.

Comparativo

Segue o comparativo do Levantamento de Governança e Gestão Públicas referente aos resultados obtidos na última apuração, em 2018, e na avaliação atual feita em 2021:

Apuração de 2018
iGG (índice integrado de governança e gestão públicas) 32%
iGovPub (índice de governança pública) 36%
iGovPessoas (índice de governança e gestão de pessoas) 28%
iGestPessoas (índice de capacidade em gestão de pessoas) 24%
iGovTI (índice de governança e gestão de TI) 60%
iGestTI (índice de capacidade em gestão de TI) 54%
iGovContrat(índice de governança e gestão de contratações) 26%
iGestContrat (índice de capacidade em gestão de contratações) 17%
 
Apuração de 2021
iGG (índice integrado de governança e gestão públicas) 62,1%
iGovPub (índice de governança pública) 77,2%
iGovPessoas (índice de governança e gestão de pessoas) 70,1%
iGestPessoas (índice de capacidade em gestão de pessoas) 60,6%
iGovTI (índice de governança e gestão de TI) 74,4%
iGestTI (índice de capacidade em gestão de TI) 65,3%
iGovContrat (índice de governança e gestão de contratações) 52,7%
iGestContrat (índice de capacidade em gestão de contratações) 59,9%
iGovOrcament (índice de governança e gestão orçamentária) 62,5%
iGestOrcament (índice de capacidade em gestão orçamentária) 36,5%

  Confira a íntegra do Levantamento aqui.