logotipo comemorativo dos 80 anos da Justiça do Trabalho
  • Selo 100% PJe
  • Selo Prata CNJ
  • Instagram
  • SoundCloud
  • Youtube
  • Facebook
  • Twitter
  • Flicker
Política de Cookies

O Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região (TRT7) utiliza cookies, armazenados apenas em caráter temporário, a fim de obter estatísticas para aprimorar a experiência do usuário. A navegação no portal implica concordância com esse procedimento, em linha com a Política de Privacidade e Proteção de Dados Pessoais do TRT7.

Presidente do TRT/CE faz visita institucional à presidência do Tribunal de Justiça

presidente do TRT/CE falou sobre a experiência da instituição nesse período de distanciamento social.

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE), desembargadora Regina Gláucia Cavalcante Nepomuceno, foi recebida, nesta quarta-feira (4/8), pela presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargadora Maria Nailde Pinheiro Nogueira, na sede do Judiciário cearense. O encontro integra a agenda de retomada parcial das atividades presenciais dos órgãos.

A presidente do TRT/CE falou sobre a experiência da instituição nesse período de distanciamento social. Também explicou que as sessões já estão ocorrendo na modalidade híbrida (presencial e telepresencial). Desde o início do mês de agosto, foi deflagrada a 3ª etapa do Plano de Retomada Gradativa das Atividades Presenciais da Justiça do Trabalho do Ceará.

A juíza do trabalho Karla Yacy e o secretário-geral da Presidência do TRT/CE, Fernando Antônio de Freitas Lima, acompanharam a visita.

“As instituições precisam dessa comunicação e boas práticas devem ser aproveitadas para aperfeiçoar os serviços prestados pelo Judiciário. É assim que conseguiremos ter uma Gestão exitosa”, afirmou a presidente do Tribunal de Justiça do Ceará.

Acompanharam a visita a juíza do Trabalho Karla Yacy Carlos da Silva, gestora do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem, e o secretário-geral da Presidência do TRT/CE, Fernando Antônio de Freitas Lima.

Com informações do TJ/CE