Logo
  • Selo 100% PJe
  • Selo Prata CNJ
  • Instagram
  • SoundCloud
  • Youtube
  • Facebook
  • Twitter
  • Flicker
Política de Cookies

O Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região (TRT7) utiliza cookies, armazenados apenas em caráter temporário, a fim de obter estatísticas para aprimorar a experiência do usuário. A navegação no portal implica concordância com esse procedimento, em linha com a Política de Privacidade e Proteção de Dados Pessoais do TRT7.

Conheça o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável nº 7 da ONU: Energia Acessível e Limpa

A Justiça do Trabalho do Ceará dá continuidade ao engajamento na divulgação da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), que engloba 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Assegurar o acesso à energia de modo sustentável e com preço acessível para todos faz parte do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável nº 7. Consta como objetivo desse ODS promover a capacitação e o empoderamento dos indivíduos, ampliando as oportunidades das pessoas mais vulneráveis no caminho do desenvolvimento.

De acordo com o site da Agenda 2030 da ONU, desde a implementação dos ODS foram registrados avanços no tocante ao acesso da população a formas de energia: de 2000 a 2013, mais de 5% da população mundial obteve acesso à eletricidade (de 79,313% para 84,58%). Para os próximos anos, a tendência é aumentar a demanda por energia barata. Contudo, combustíveis fósseis e suas emissões de gases de efeito estufa provocam mudanças drásticas no clima.

Assista ao vídeo sobre o ODS 7 da Agenda 2030 da ONU:

Metas do ODS 7

7.1 Até 2030, assegurar o acesso universal, confiável, moderno e a preços acessíveis a serviços de energia.

7.2 Até 2030, aumentar substancialmente a participação de energias renováveis na matriz energética global.

7.3 Até 2030, dobrar a taxa global de melhoria da eficiência energética.

7.a Até 2030, reforçar a cooperação internacional para facilitar o acesso a pesquisa e tecnologias de energia limpa, incluindo energias renováveis, eficiência energética e tecnologias de combustíveis fósseis avançadas e mais limpas, e promover o investimento em infraestrutura de energia e em tecnologias de energia limpa.

7. b Até 2030, expandir a infraestrutura e modernizar a tecnologia para o fornecimento de serviços de energia modernos e sustentáveis para todos nos países em desenvolvimento, particularmente nos países de menor desenvolvimento relativo, nos pequenos estados insulares em desenvolvimento e nos países em desenvolvimento sem litoral, de acordo com seus respectivos programas de apoio.

Ações do TRT/CE relacionadas ao ODS 7

Em consonância com o plano global da ONU, o TRT/CE desempenha esforços com o intuito de garantir a efetividade do ODS nº 7, buscando promover o uso consciente de fontes energéticas de modo sustentável e moderno.

Como iniciativa de referência sobre o assunto, pode-se citar a construção de uma miniusina fotovoltaica no Fórum Trabalhista do Cariri, em Juazeiro do Norte. A ação se dá por meio da contratação de uma empresa especializada em fornecimento de energia solar conectada à rede.

O processo atualmente se encontra em fase de licitação. A duração da obra é de cerca de 120 dias. Desse modo, a previsão de início de funcionamento é em dezembro deste ano.

“Considerando a estimativa de produção de energia anual de 321.930 kWh e o investimento estimado nesse contexto, a expectativa de economia anual é de aproximadamente R$ 187 mil, resultando em um retorno do investimento em torno de 5,3 anos. Essa energia equivale ao consumo médio de 176 residências no Brasil”, afirma André Firmino, engenheiro eletricista do TRT/CE. Ao lado do engenheiro Rafael Martins, a equipe está responsável pela obra.

A instalação, que contará com sistema de monitoramento remoto e estação meteorológica para acompanhamento e gerenciamento da produção a partir de Fortaleza, será a primeira experiência desse cunho no TRT/CE.