• SoundCloud
  • Youtube
  • Facebook
  • Twitter
  • Flicker

TRT/CE compartilha experiência do Processo Judicial Eletrônico com outros Tribunais

A Justiça do Trabalho do Ceará foi uma das primeiras do país a operar o Processo Judicial Eletrônico (PJe/JT), e agora exporta conhecimento para outros Tribunais. Desde 1º de outubro, um juiz e quatro servidores do Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE) estão no TRT da 8ª Região, que abrange os Estados do Pará e Amapá, auxiliando na implantação do sistema. O TRT da 8ª Região vai instalar o PJe/JT no 2º Grau e nas quatro varas do trabalho de Ananindeua, interior do Pará, no dia 8 de outubro.

Para intensificar a instalação do Processo Eletrônico, o Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) criou uma sistemática de apadrinhamento para que os Tribunais que possuem o PJe/JT auxiliem os demais na implantação do sistema. Os tribunais "padrinhos" cooperam com os "afilhados" em diversas atividades: montagem de infraestrutura, treinamento de administradores, configuração, capacitação de magistrados e servidores e simulação do sistema.

Além do apadrinhamento do TRT da 8ª Região, o TRT/CE tem dividido sua experiência com vários Tribunais do país. A vara do trabalho de Caucaia, segunda do Brasil a instalar o PJe/JT, é tida como referência em Processo Eletrônico. Desde a instalação da ferramenta, em janeiro deste ano, a vara vem recebendo frequentes visitas de outros Regionais para conhecer as funcionalidades do PJe/JT.

Segundo a diretora da vara de Caucaia, Kílvia Sílva de Sena, desembargadores, juízes e servidores da Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro, Pará, Rio Grande do Norte, Bahia, Santa Catarina e do Piauí já visitaram a unidade judiciária. “Nos sentimos orgulhosos em repassar nosso conhecimento”, afirmou a servidora.

Para auxiliar na instalação do PJe/JT e capacitação de servidores e magistrados do TRT da 8ª Região, foram designados o juiz do trabalho titular da vara de Caucaia, Hermano Queiroz; o assessor da presidência, Antônio Carlos dos Santos; os servidores da Secretaria de Tecnologia da Informação do TRT/CE Antonio Germano e Igor Bessa; e o servidor da vara de Caucaia Charles Bruxel.

Histórico: O Ceará é um dos estados pioneiros na implantação do Processo Eletrônico. Caucaia foi a segunda vara do trabalho do país a receber o sistema. Na sequência, foi a vez de o 2º grau da Justiça do Trabalho do Ceará receber o PJe/JT. O sistema também foi instalado nas unidades de Maracanaú e Eusébio. Até o final do ano, o PJe/JT será instalado nas varas da Capital. O Fórum trabalhista de Fortaleza será um dos primeiros do Brasil a implantar o Processo Judicial Eletrônico.